Saiba agora quais são principais Violações à Política de Reservas que estão sujeitas a penalidades

Os funcionários de agências de viagem e companhias aéreas devem conhecer as Política de Reservas.

Te explico o porquê!

Quando algumas desta regras são violadas, a companhia aérea aplica uma multa para agência de viagens que está emitindo o bilhete eletrônico através de uma ADM.

As companhias aéreas monitoram a utilização dos GDSs pelas agências de viagem.

Regras relacionadas a reservas e emissão de bilhetes feitas pelas agências são indicadas nas resoluções 830d, 824, 850m da IATA.

As agências devem realizar a emissão de bilhetes de acordo com as Regras Gerais da IATA e também notificações e regulamentos publicados pela companhia aérea.

É aconselhável ficar atento as definições mencionadas abaixo.

As dicas abaixo são um dos principais motivos de emissão de ADMs que as companhias aéreas emitem para as agências de viagem.

Política de Reservas

Speculative / Fictitious Booking – Especulativo / Reserva Fictícia

Reservas feitas para uma venda em que não existe passageiro definido ou para propósitos de produtividade onde não exista passageiro definido usando nomes falsos.

  • Reservas feitas com nomes falsos.  Ex. ABC/FGHJK,  Nomes de celebridades etc.
  • Reservas impossíveis: Itinerário com reservas ilógicas com vários destinos, conexões que saem antes do voo de chegada.
  • Reserva criada para bloquear o lugar.
  • Criar segmentos para outros fins que não seja a emissão.
  • Repetidamente cancelados e remarcados.
  • Cancelamento repetidamente alta.
  • Quantidades notáveis ​​de reservas canceladas em até 24 horas após a partida do voo (reservas no mesmo dia)
  • O mesmo número de voo na mesma data ou diferente.

Administrative Booking – Reserva Administrativa

Outra quebra de política de reservas é quando uma reserva é criada para serviços de teste ou treinamento de agência.

Churning

Segmentos que são repetidamente cancelados e remarcados.

O que justifica a cobrança de churning é que as companhias aéreas pagam os GDS por segmento reservado.

Duplicate (DUPE) Bookings – Reservas Duplicadas

Reserva duplicada feita para o mesmo passageiro para diferente ou mesma rota.

  • O mesmo número de voo na mesma data ou diferente.
  • Números de voo diferentes para o mesmo par de cidades para o mesmo ou para uma data diferente.
  • Números de voo diferentes para o mesmo par de cidades para o mesmo ou para uma data diferente.
  • Ponto de destino diferente na mesma data ou diferente no mesmo ou aeroporto próximo.
  • Itinerário semelhante reservado para outra companhia aérea.

Married Segment Violations – Violações de Segmentos Casados

O segmento casado é usado pelas companhias aéreas para visualizar o inventário de dois ou mais segmentos de uma origem e destino como um em vez de trechos individuais.

Os itens a seguir são considerados “Violações de Segmentos Casados”.

  • Manipulação em segmentos casados.
  • Cancelamento parcial de qualquer segmento casado feito contra regras
  • Qualquer atividade para usar voos ou destinos falsos para reservar classes mais baixas para os segmentos desejados.

Sytem Abuse – Abuso de Sistema

Todas as transações feitas intencionalmente para poder recuperar uma reserva confirmada para as tarifas mais baixas ou classes fechadas serão consideradas como “Abuso do Sistema”.

O Abuso de sistema está sendo monitorada pelas companhias aérea.

Além de receber ADMs, as agências de viagens responsáveis ​​por tais abusos também podem entrar em uma lista negra da companhia aérea afetada.

No-Show

Reserva um assento em um voo confirmada e bilhete emitido, mas o passageiro não comparece ao aeroporto e não cancela a reserva.

  • Não comparecimento ocorreu para os segmentos criados para serem usados ​​apenas para ingressar em todo o itinerário com uma tarifa mais baixa.
  • Uma quantidade notável de No-show ocorreu em determinados voos, etc.

Passive Booking – Reserva Passiva

Reserva não ativa inserida no GDS para emissão do bilhete para reserva ativa originalmente hospedada no sistema da companhia aérea.

  • O segmento passivo pode ser inserido apenas para fins de emissão de bilhetes quando a reserva é feita através do sistema da companhia aérea, caso contrário, está sujeito à ADM.
  • Os segmentos passivos não devem ser usados ​​para criar uma cópia de uma reserva quando o passageiro solicitar uma fatura ou itinerário.

Inactive Booking – Reserva inativa

Segmentos em uma reserva com código de status PN, HX, UN, TK, NO, SC, UC ou WK não cancelados da reserva.

  • Todos os códigos de status HX, UN, UC, NO, SC, TK, US, PN ou WK inativos não removidos em um PNR.
  • Todos os segmentos de lista de espera não removidos que não são mais necessários. Quando o segmento de lista de espera desejado é confirmado, outros devem ser removidos.

Gostou deste post?

Deixe um comentário logo abaixo sobre o que achou deste post ou sobre assuntos que poderia abordar nos próximos artigos, dica extra que queira compartilhar ou até mesmo alguma crítica.

Se você assim como eu ama a indústria e conhece pessoas que adorariam receber esse conteúdo!

Compartilhe esse artigo! Facebook, Twitter e Linkedin!

Nos vemos em breve!